O Senador Pedro Simon (PMDB-RS) participou uma sessão de autógrafos para promover o seu livro “Sobre o país que queremos”, na quinta-feira, 10 de novembro de 2011, na 57ª Feira do Livro de Porto Alegre. Simon, conhecido pelos discursos contundentes proferidos da tribuna do Senado, atendeu a todos os leitores presentes. Um indicativo do sucesso da obra foi a longa fila se formou na Praça Central de Autógrafos.
Simon pode ser considerado um escritor veterano. Este é o 101º livro do Senador em 50 anos de vida pública.  “Sobre o país que queremos”, lançado pela editora do Senado Federal, engloba artigos e comentários, alguns usados como tema de debate no Senado. A obra, que tem 472 páginas, busca desenvolver reflexões sobre a realidade diária, mostrando uma visão do país sem corrupção e com justiça social.
Senador Pedro Simon na Praça de Autógrafos da Feira do Livro
“Esse livro mostra porque que o Brasil é tido como um país de corrupção enquanto outros países do mundo não. E lá tem tanta corrupção como aqui”, comentou Simon. O Senador, que defende a lei da Ficha Limpa para registros de candidaturas, considera ser urgente uma mudança no modo de fazer política. Para ele, até mesmo no cotidiano o chamado “jeitinho brasileiro” se manifesta.
Topo