A 10º Bienal do Mercosul chegou em Porto Alegre no dia 24 de Outubro em sete pontos da capital gaúcha com o tema “Mensagens de uma Nova América”. Cerca de 646 obras, de 263 artistas, estão sendo expostas. Os artistas representam 20 países.

Cada uma das sete exposições da Bienal trabalha com um subtema, o escolhido para o Santander Cultural foi a Antropofagia Neobarroca. Este tema retrata uma apropriação de elemento culturais vindos de fora do Brasil, principalmente da Europa e Estados Unidos. Segundo Everton Rocha, 31 anos, historiador e mediador da 10º Bienal no Santander Cultural, é um movimento no qual o artista capta os elementos, torna-os próprio e os externa em forma de arte brasileira.

Os principais elementos percebidos sobre a Antropofagia Neobarroca é o detalhismo das obras, o grande número de quadros e esculturas sobre o corpo e muitos elementos religiosos. Segundo o historiador estes detalhes são clássicos da arte contemporânea.

No espaço do Santander Cultural 121 obras, de autores latino americanos, estão sendo expostas. “O grande diferencial é o mix de autores, porque aqui você pode encontrar obras de pintores renomados assim como uma escultura de um artista iniciante” afirmou o mediador.

Independente do nível de conhecimento sobre arte, é possível apreciar as belezas encontradas no local. “É tudo muito lindo, é a primeira que eu venho aqui e adorei, vou trazer meus pais” afirmou Luiz Pedro, 14 anos.

A equipe da Bienal no Santander Cultural conta com 20 pessoas que se dividem para atender a todos os grupos que agendam visita ao local. Everton relatou que um dos grandes fatores positivos para a Bienal foi a chegada da Feira do Livro, esta atrai diariamente centenas de pessoas ao local. Em alguns momentos foi preciso formar fila de espera para a visita ao local devido ao espaço e a quantidade de integrantes na equipe.

A 10º Bienal do Mercosul está presente em Porto Alegre no Centro Histórico da cidade (Usina do Gasômetro, Museu de Arte do Rio Grande do Sul Ado Malagoli, Memorial do Rio Grande do Sul, Santander Cultural e Centro Cultural CEEE Erico Verissimo) e na Zona Norte (Instituto Ling).

Grupos a partir de 10 pessoas podem agendar uma visita guiada com um mediador. A mostra pode ser visitada de terça a sábado 9h às 19h, domingo, das 13h às 19h até o dia 6 de dezembro.

Topo