A Mostra Fílmica é uma premiação que ocorre todo semestre para exibir os curtas-metragens produzidos pelos alunos do primeiro semestre do curso de Publicidade e Propaganda da ESPM-Sul. Neste semestre, os estudantes homenagearam Eva Sopher, a eterna guardiã do Theatro São Pedro.

Os curtas foram exibidos na última sexta-feira na presença das filhas de Eva Sopher, Ruth Pereyron e Renata Rubim, que fizeram parte do júri. As duas elogiaram a iniciativa. Para Renata, “essa é uma oportunidade única dos jovens terem acesso a alguém que representou a cultura gaúcha.” Ruth disse que ficou  surpresa e feliz com a apresentação e ressaltou o trabalho de pesquisa dos alunos a respeito da história de sua mãe. De acordo com elas, o legado de Eva se fez presente em todos os curtas. Cada um mostrou de forma diferente um aspecto da vida de Dona Eva, como era carinhosamente chamada. Morta em fevereiro deste ano, aos 94 anos, ela esteve à frente do teatro por mais de quatro décadas.

A produção dos curtas-metragens foi uma experiência recompensadora para os alunos. “Todos nós entramos no projeto sem saber nada sobre fazer um curta e é muito gratificante estar aqui no final de tudo e ver o quão bom ficou”, disse o aluno Leonardo Muller, diretor e roteirista do AveEva. A estudante Maria Eduarda Hegel, diretora de cena do curta Meleva, destacou a oportunidade de aprender sobre como funciona o mercado real.




Topo